Páginas

sábado, 22 de setembro de 2012

Fui



Fui embalo num colo de Amor
e menina que corria a sorrir;
Fui criança com sonhos na mão
e jovem numa espiral de emoção;
Fui beijo dado a correr
e promessas de Amor Infinito;
Fui mão de um passeio a dois
e entrega em doçura depois;
Fui abrigo a uma vida em crescendo
E colo de Amor e entrega;
Fui sustento de uma vida nos braços
e lágrimas na dor em que me enlaço;
Fui a sombra do brilho dos outros
E rendição em cansaço e Amor
MULHER
um nada com tanto Valor

Fernanda Paixão
2012-09-21